Connect with us

Economia

Após 3 mil demissões no RS, calçadistas aguardam crédito mais barato durante pandemia COVID-19

Redação

Publicado

on

Setor também esta sentindo reflexos da pandemia do coronavírus

A indústria calçadista sente os impactos do coronavírus. Com o isolamento social imposto pela pandemia, fábricas tem queda no faturamento e inícia mais de 3 mil demissões no Rio Grande do Sul. Para amenizar perdas de empregos nas próximas semanas, espera-se que o governo federal acelere medidas que garantam linhas de crédito mais atrativas para os empresários.

O Rio Grande do Sul segue como o principal produtor de calçados do Brasil, seguido pelo Ceará. Em dezembro do ano passado, as fábricas gaúchas empregavam em torno de 86 mil funcionários em todo o estado.

Estamos estudando formas de minimizar demissões tentando flexibilizar jornadas de trabalho, tendo que negociar quase que individualmente cada situação, pois as pessoas precisam dos empregos e muitos dedicam seu tempo exclusivamente as fábricas não possuindo outra fonte de renda, contrapartidas serão tomadas para combater esta crise com inteligência.

Leia mais noticias clicando. Aqui

Siga nossas redes sociais para ficar bem informado.

Continue Reading
Comente

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Tendência

Copyright © 2021 Jornal do Povo RS