Connect with us

Cinema

“Milagre na Cela 7”, o filme que está emocionando o mundo inteiro

Gustavo Tamagno Martins

Publicado

on

“Lingo, lingo… garrafas”

Essas duas palavras marcaram quem já teve a honrosa oportunidade de assistir o filme “Milagres na Cela 7” (com nome original de “Miracle in Cell nº7”), disponível na Netflix. A obra cinematográfica turca é a mais falada do momento e não é à toa que está no Top 1. O filme mostra a linda relação de um pai e de uma filha e tem como temas principais a união, a injustiça e o amor ao próximo.

Fotografia: Netflix, reprodução

O mundo todo está emocionado com a linda história de amor e cumplicidade de Memo (interpretado por Aras Bulut Lynemli), um pai solteiro que sofre de deficiência intelectual e mora em um pequeno vilarejo da Turquia com a sua filha, a pequena Ova (Nisa Sofiya Aksongur) e com a avó Fatma (Celile Toyon Uysal).

Tudo vai bem até que uma tragédia muda completamente a vida da família. Depois de um grave incidente, Memo precisa provar sua inocência após ser preso e acusado pela morte da filha de um militar.

“Milagre da Cela 7”, emociona ao mostrar que o amor supera qualquer injustiça. A dica é ter por perto um pacote de lenços e tentar não se desesperar por causa do sofrimento que esse ingênuo e inocente pai vai enfrentar.

Fotografia: divulgação

A obra cinematográfica, disponível apenas legendada em Português, foi o maior sucesso de bilheteria da Turquia no ano passado. De acordo com o site Box Office Mojo, “Milagre na Cela 7” fez mais de US$ 15 milhões no país e superou até blockbusters como “Vingadores: Ultimato”.

O filme turco, dirigido por Mehmet Ada Öztekin e lançado em 2019, é um remake de um filme sul-coreano de mesmo nome lançado em 2013. Ele merece ser sentido por todos, pois você certamente vai amar essa trama sensível, capaz de tocar o coração de qualquer pessoa, e que vai fazê-lo questionar os próprios preconceitos. A história reforça o quanto é importante não deixarmos de acreditar em quem tanto amamos.

ASSISTA O TRAILER

https://youtu.be/C8Tal1RHJcM

Tendência

Copyright © 2021 Jornal do Povo RS